Sou colecionadora apaixonada por bonecas. Por gostar tanto delas, nunca me agradou a ideia de descartar uma boneca por ela estar velha ou estragada e foi aí que nasceu a vontade de aprender a restaurar. Aos poucos fui aprendendo que a restauração é uma arte, uma alquimia que necessita de paciência e dedicação, mas em compensação, nos devolve a beleza e a alegria. Sejam bem vindos e espero que gostem das minhas restaurações.

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Restauração Boneca Mônica Alegre, Turma da Mônica, Mimo, 1986


Imaginem só, trabalhar restaurando um dos seus sonhos de infância. Imaginaram? Bem, quando eu era criança, eu era apaixonada, mas muito apaixonada mesmo, por essa coleção da Mimo, coleção Turma da Mônica, lançada em 1986. Primeiro a Mimo lançou 4 versões da Mônica, a Alegre, a Sonhadora, a Bravinha e a Sapeca. Como foram um grande sucesso, na sequencia fora lançada uma segunda coleção, dessa vez com a Mônica tradicional (que se diferenciava da Alegre pois não tinha o lacinho na cabeça), o Cebolinha, Cascão e Magali. 

Lembro que na época eles eram muito caros e eu queria tanto um, que meu pai e minha avó compraram juntos um Cascão pra mim, de aniversário. Ele sempre foi o meu favorito. Hoje em minha coleção, dos 8 bonecos, tenho 5 e é bom demais olhar pra todos ele ali juntinhos. Então quando a Vania me enviou sua Mônica alegre para restauração, foi uma alegria, e tb um desafio.


Esses bonecos tem uma peculiaridade, um esqueleto de metal, revestido de espuma, que segura, uma cabeça  e membros muito pesados, o que por sinal, fazia com que, seu revestimento de pano, fosse rasgando com o tempo ou com as brincadeiras. Então meu desafio, era criar um corpo de pano resistente, e costura-lo em grossas, bem grossas partes de vinil que compõem os braços e pernas da boneca. 



Depois de avaliar bem, eu optei por, sem desmontar o esqueleto, encaixar o corpo e costura-lo com barbante, achei que linha seria muito frágil pro tipo de trabalho. então com pontos bem largos, fui fazendo uma costura simples por fora, mas dupla por dentro, assim corpo de pano ficou bem seguro nas partes de vinil, protegendo a espuma. Reforcei também, por fora, as costuras dos braços.


A roupinha estava rasgada, outra coisa normal de acontecer com essas bonecas, pois as mãos e pés são muito grandes e normalmente, quando as crianças tentavam trocar a roupinha, acabavam as descosturando ou rasgando. A calcinha estava sem elástico e bem manchada, mas nada que não pudesse ser resolvido. 
Eu gostei bastante do resultado. Achei que ela ficou uma verdadeira fofura

10 comentários:

  1. oi Gigi:
    o resultado ficou maravilhoso!!
    belas mãos de fada que você tem..
    imagino que linda deve ser sua coleção de bonecas !!
    :0))
    http://elianeapkroker.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, minha querida ^_^ Eu gostei demais de restaurar essa boneca. Gostei tanto que me inspirei a restaurar o meu Cebolinha, dessa coleção, que acabou de chegar. Obrigada pelo carinho, xuxu Bjs bjs

      Excluir
  2. Oi Gigi! Parabéns pelo trabalho, estou encantada! Tenho uma Mônica sonhadora desde o 1 aninho de idade rs, gostaria muito de reformá-la.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia ^_^ Obrigada ^_^ Me mande um e-mail para gigifernandes@live.com com as fotos da sua boneca que passo um orçamento pra ti ;)

      Excluir
  3. Olá Gigi!So agora tomei conhecimento do seu trabalho e amei!!! Gostaria de seus contatos, é possível? Tem como visitar seu ateliê? Beijos Eva

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite
      Fiquei meio que afastada no ultimo ano, mas estou retomando o Ateliê agora e voltando com as restaurações. Por favor, se ainda tiver interesse, entre em contato pelo whatsapp 16996136828. Aguardo. Uma ótima semana pra ti

      Excluir
  4. Oi bom dia Gigi achei maravilhoso seu trabalho! !! Queria te perguntar vc também teria alguma mônica para vender? E vc( seu atelier) fica onde?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite.
      Não tenho no momento. Estou em Araraquara, interior de SP

      Excluir
  5. Também tenho uma boneca dessas ganhei quando tinha uns 4 anos era pesada e batia a minha cabeça na dela sempre que ia pegar para brincar. Acho que por isso não fabricaram mais.kkkkk.gostei da dica de reforma a minha boneca está precisando. Tenho ela até hoje por ser de um material resistente e sei que minha mãe teve que trabalhar bastante pra comprar, como você mesmo disse era bem caro. Hoje tenho 34 anos e ela está com 30 anos. É uma relíquia como a de vocês. Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal, parabéns por manter essa linda relíquia ^_^

      Excluir

Deixe um comentário. Sua opinião é muito importante